na cabeceira

literatura & diarices

30 e poucos anos e uma máquina do tempo

Eu não sou uma pessoa particularmente musical. Já fui mais, na época em que tinha uma banda e cantava por aí; minha vida era basicamente música, música e mais música e era bem bacana. Eu era realmente boa nisso e só não continuei porque um dia acordei e puf, simplesmente a vontade não estava mais …

Graça, fúria e as mulheres perigosas

~arte feita por Carolina Pontes~
Recentemente o escritor angolano José Eduardo Agualusa esteve aqui no Brasil para participar do Fronteiras do Pensamento, um evento de grande porte que reúne vários pensadores do mundo todo para discutir a atualidade sob diversos contextos. Enquanto estava por aqui,…

Meus disquinhos favoritos

Pra o segundo dia de BEDA, nada melhor do que uma listinha com meus disquinhos favoritos + uma playlist com as melhores músicas de cada um. :) 
1. Revolver

O tanto que eu amo esse álbum é algo que não dá pra explicar. Sempre ouvi muito Beatles, desde criança, mas só fui de fato apreciar a beleza de…

O tempo desconjuntado

Acho que todo mundo já passou por algum momento em que começou a questionar a realidade. Até onde o que vemos realmente é verdade? A minha vida é real? A mesa que estou vendo é de verdade ou é apenas um produto da minha mente? Okay, pode ser que você nunca tenha questionado sua realidade, mas eu j…