na cabeceira

literatura & diarices

Retrospectiva literária 2020


Eu não forcei leituras em 2020. Vários livros foram abandonados, alguns eu simplesmente deixei para terminar depois, cada um a seu tempo. Com toda essa angústia da pandemia, houve meses em que li muito e meses em que li nada. E tudo bem. Mas 2020 foi um ano repleto de boas leituras. Ao todo, foram 54 livros lidos - um lido duas vezes (A outra volta do parafuso, do Henry James) -, e alguns que estão pela metade. O ano foi bem ruinzinho, mas os livros foram ótimos. 

Lidos em 2020


Metrópolis • After I do • Mulherzinhas • Pessoas normais • A volta do parafuso • The huntress • Austenlândia • Conversas entre amigos • Ubik • Objetos sobrenaturais • Por lugares incríveis • A vida secreta dos escritores • Imunidade • O vampiro • O jardim secretoSuch a fun ageOs testamentos • Morte no verão • Emma • Frida Kahlo e as cores da vida • Assassinato no campo de golfe • Decameron - 10 novelas selecionadas • Modern love • O rinoceronte • Those who wish me dead • A história secreta • O médico e o monstro • Sempre vivemos no casteloO Morro dos Ventos Uivantes • Kindred • Contos de fantasmas • Long bright river • Libertação • Carmilla, a vampira de KarnsteinA sucessoraThe book of longingsSol da meia-noiteO ano do pensamento mágicoMary Ventura e o Nono ReinoEste lado do paraísoMonster, she wrote • The one hundred years of Lenni and Margot • A volta do parafuso • Vitorianas macabrasA assombração da Casa da Colina • Os contos de Beedle, o bardo • O instituto • Transformando garotas em monstros • A filha de RappacciniO talentoso RipleyMeia-noite na AustenlândiaVida e aventuras do Papai NoelUm conto de NatalA casa assombrada • The midnight library

Seguindo a tradição dos anos anteriores, vamos às categorias:

Maior livro 


Sol da meia-noite, de Stephenie Meyer, com 727 páginas. 

Menor livro 


Mary Ventura e o Nono Reino, de Sylvia Plath, com 48 páginas. 

Melhores do ano 


Emma, de Jane Austen
A história secreta, de Donna Tartt
The book of longings, de Sue Monk Kidd
Ubik, de Philip K. Dick
O jardim secreto, de Frances Hodgson Burnett
Sempre vivemos no castelo, de Shirley Jackson
Sol da meia-noite, de Stephenie Meyer
Vitorianas macabras, de várias autoras
The midnight library, de Matt Haig
Such a fun age, de Kiley Reid


Melhores releituras 


Reli O Morro dos Ventos Uivantes, da Emily Brontë, durante um ciclone. Foi uma experiência incrível. Se já amava o livro, passei a gostar mais ainda dele. Também reli A Assombração da Casa da Colina, da Shirley Jackson, e foi simplesmente perfeito.

Quote preferido 


“Beleza é terror. O que chamamos de belo nos faz tremer.” 
(DONNA TARTT, A História Secreta) 


Me acompanhe no Goodreads e no Skoob

7 Comentários

  1. Amei esse formato de texto, ficou muito bom!!!

    Quero muito ler alguns que estão na sua lista, principalmente Donna Tarth (mas devo começar pelo Pintassilgo, que já tá aqui na estante).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, amiga

      Que bom que gostou ♥
      Donna Tartt é maravilhosa demais, acho que vale a pena começar pelo que estiver disponível mesmo (mas particularmente fui muito impactada por A história secreta haha)

      Excluir
  2. Acho que a maioria das pessoas usaram a quarentena e o isolamento social para ler... Eu li no total 30 livros e dexei alguns pela metade para terminar de ler esse ano. Eu criei um ig literáro lá no instagram e um blog que é a extensão dele para passr o tempo na quarentena...

    https://expressoliterarios.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Temos o maior livro lido em comum <3 Tô doida esperando que alguma editora anuncie que vai publicar The midnight library aqui no Brasil, adoro o Matt Haig (apesar de só ter lido um livro dele até hoje hehe). Te adicionei no skoob :)

    Vanessa
    https://tristezinhascotidianas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. muito legal o formato da tua retrospectiva. deu pra ter uma noção de como foi teu ano em relação às leituras. mesmo em tempos sem pandemia é bom a gente se perguntar o porquê de forçar uma leitura, num é?! ir no seu tempo talvez até te traga mais e melhores possibilidades, experiências... também li o jardim secreto ano passado. fofíssimo! e esse novo filme?

    te desejo mais um ano de boas leituras! :)

    ResponderExcluir
  5. Gostei muito desse formato de post! Também amei sua quote preferida. É incrível como uma frase tão curta pode despertar uma vontade tão grande de ler o livro todo hahaha

    ResponderExcluir
  6. adorei esse post e a forma que montou pra mostrar suas leituras do ano ♥ em 2020, se tudo foi um caos no resto da vida, pelo menos consegui voltar com um ritmo de leitura legal e finalizei muitos livrinhos (muitos se comparando com meus anos anteriores, é claro hahahahaha). amei ver "o jardim secreto" na sua listinha de melhores do ano, faz tempo que ele tá no meu kindle esperando pra ser lido, quem sabe desempaco em 2021 <3

    ResponderExcluir

Postar um comentário